Início » Entenda quais os reais perigos de usar softwares piratas!

Entenda quais os reais perigos de usar softwares piratas!

Entenda quais os reais perigos de usar softwares piratas!
Sabemos que, ainda hoje, grande maioria das pessoas que possuem computadores domésticos faz uso de softwares piratas, e, esse péssimo hábito, também já alcançou as empresas e corporativas. Negócios de todos os tamanhos, frente a alguns custos elevados de ferramentas tecnológicas, preferem deixar de investir em softwares licenciados.

Contudo, essa prática deve ser extinta. As perdas provocadas por softwares ilegais incluem desde baixo rendimento do computados, até plena insegurança de dados. Quer entender mais? Então vem com a gente, vamos te contar tudo!

Principais perigos do uso de software pirata

Para que entenda tudo o que verdadeiramente pode te ocorrer com a utilização desses softwares não licenciados, separamos os principais riscos que você acaba por se expor, são eles:

Não execução das obrigações legais
Toda e qualquer empresa precisa (sempre!) usar de programas e sistemas integralmente originais. Ao instalar um software pirata, o negócio deixa completamente de cumprir com essa responsabilidade, e isso pode a expor a complicações jurídicas.

Se ainda não possui grande quantia financeira para pagar devidamente um software licenciado, opte por outras ferramentas gratuitas e de qualidade. Certamente, o choque ocasionado pela adoção responsável dessas soluções será significativamente menor em longo prazo, se comparado a programas piraras.

Queda total da segurança da empresa
Um dos assuntos mais discutidos da computação é, hoje, a importância da segurança das informações. Em empresas, assegurar o acesso restrito a todos os dados da empresa é fundamental para garantir que o negócio não tenha inúmeras informações internas totalmente expostas.

Nesse cenário, os softwares originais se destacam bastante, pois são totalmente programados para guardar informações apenas com o controle e aviso do utilizador. Assim, os gestores conseguem manter pleno controle sobre tudo o que é guardado pelo desenvolvedor e quais os processos corretos para reverter ou anular esse ciclo.

Mínimo rendimento na aplicação
O software falso é completamente mudado para não atender as verificações de autenticidade, e, esse método de transformação do código fonte do programa, vai certamente diminuir seu desempenho. Consequentemente, o negócio que usa sistemas piratas passa a ter acesso somente a soluções de baixíssimo rendimento.

Se quiser evitar que seus profissionais percam integramente sua produtividade com soluções com grande índice de deslizes, não tenha medo de investir em softwares. Por conseguirem fazer updates frequentemente, suas chances de erros são bastante minimizadas.

Inúmeras instabilidades com o tempo
Um software não autenticado não pode jamais receber alguns críticos de segurança ou melhorias em rendimentos por canais oficiais. Esse é, sem dúvidas, uma complicação bastante firme, principalmente quando tratamos de programas corporativos bem complexos e também repletos de códigos. Assim, como consequência, a quantidade de fraquezas e melhorias que precisam ser arrumadas depois do lançamento tente a ser grande.

Ao apostar em softwares originais para sua empresa, assegura que todos os seus sistemas receberão os mais importantes updates de segurança para médio e também longo prazo. Ao longo do ciclo de desempenho do software, seu negócio continuará obtendo o acesso a toda e qualquer nova função e correção, assim, se pode aperfeiçoar o programa com frequência, dando ainda mais firmeza a todos os sistemas utilizados no meio empresarial.

Gostou das informações e se interessou ainda mais sobre o assunto? Então não deixe de conferir nossos outros conteúdos, temos certeza que vão te ajudar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *