• Infoprotect

O que é a tecnologia SD-WAN?

Para lidar com a alta de trabalho, que pede cada vez mais redes flexíveis e ágeis, as empresas encontraram na tecnologia SD-WAN uma solução que atende suas necessidades e, ainda reduz os gastos.


A WAN – Wide Area Networks é uma solução tradicional, capaz de interligar ambientes geograficamente distribuídos, a internet é o principal exemplo de uma rede WAN. Até então, era a principal escolha das empresas para manterem a interligação dos ambientes corporativos.


Entretanto, logo as corporações perceberam a necessidade de uma nova rede, pois, com o aumento das transformações digitais surge também a urgência de uma tecnologia que proporcione liberdade para definir as configurações, tenha agilidade e, também melhor custo-benefício.


O que é a tecnologia SD-WAN?


A partir desta exigência por parte das empresas, é desenvolvida a SD-WAN ou Software-Defined Wide Area Network. Esta consiste em uma tecnologia com softwares definidos para gerenciar redes de longa distância.


A novidade compreende em uma camada de software que conduz o uso da rede de forma autônoma e inteligente. Assim, distribui o fluxo através de diferentes recursos de roteamento como VPN IP.


Ainda mais, com os recursos definidos por software, é possível melhorar o desempenho. Especialmente em crescentes utilizações de novas aplicações em nuvem.


Como surgiu a tecnologia SD-WAN?


A tecnologia SD-WAN surgiu a partir de antigas linhas alugadas como a tecnologia frame relay, ponto-a-ponto (PPP) e, principalmente, a mais conhecida entre elas, o MPSL.

O Switching de rótulos multiprotocolo (MPLS), em pouco tempo ultrapassou o frame relay, ganhando popularidade em meados dos anos 2000. Sendo assim, era a tecnologia mais comum em uso para WANs empresariais.


Entretanto, em 2013, foi lançada a SD-WAN, ao examinarem a novidade, especialistas concluíram que existiam vantagens da nova rede sob o MPLS. A principio, a SD-WAN oferece um QoS igual ao do MPLS, mas, é mais simples de escalonar.


A SD-WAN consegue lidar com um maior número de conexões e distribuir o trafego de maneira mais dinâmica. Além disso, tem maior capacidade e usa links mais econômicos. Em geral, as soluções que a SD- WAN trás, são mais econômicas em relações as outras redes.


Como funciona:


Toque zero:


A nova rede proporciona o provisionamento de toque zero, simultaneamente em escala, o que permite que os sites sejam apresentados rapidamente. Bem como, o console de gerenciamento unificado para operações de rede e segurança utilizados para ajudar a simplificar as ações na borda WAN.


Seleção de caminho dinâmico:


As soluções de SD-WAN consistem em:


· Uma conexão MPLS,

· Banda larga e um LTE; proporcionando a seleção dinâmica dos caminhos para manter o fluxo do trafego.


Com essas soluções, é possível detectar aplicativos e escolher a melhor opção entre os caminhos sugeridos.


Essa solução se deve ao recurso de auto recuperação, onde o tráfego é direcionado diretamente para a melhor opção de link disponível, caso o link principal não esteja funcionado.


Assim, o recurso automatizado reduz a complexidade da rede, e torna melhor a experiência do usuário.


Reconhecimento de aplicativos:


As antigas soluções oferecidas pela WAN, possibilitam à empresa uma qualidade inferior, tendo dificuldades para fornecer alta performance de largura de banda para os aplicativos essenciais. Isso porque estas arquiteturas contam com roteamento de pacotes, o que impede uma maior visibilidade destes aplicativos.


Por outro lado, as soluções SD-WAN, identificam os aplicativos no primeiro pacote de dados. Fornecendo visibilidade de quais aplicativos são mais utilizados por toda a empresa, o que auxilia na hora de criar politicas de forma mais eficaz para o funcionamento da mesma.


SD-WAN, internet e segurança dos dados:


A internet de banda larga, que possui uma alta velocidade, é disponível de forma pública e econômica. No entanto, para fins comerciais não é uma boa escolha, afinal, pode atrapalhar a empresa, uma vez que, ainda que considerada rápida, é também instável.


Além disso, na internet pública os dados do usuário podem ser comprometidos. Por exemplo, se o usuário acessar as redes usando uma conexão duvidosa. Assim, a SD-WAN, além de oferecer uma experiência uniforme, livre de instabilidades, também, é mais segura.


Para garantir a segurança a SD-WAN apresenta o Secure SD-WAN como solução. A ideia é que todos os aplicativos sejam executados no mesmo sistema operacional, e gerenciados por um único painel de controle, garantindo que todas as operações sejam observadas e verificadas.


Vantagens:


Ainda que seja utilizado do mesmo principio, a SD-WAN é muito mais rápida e barata do que uma WAN tradicional. Muitas organizações estão aderindo às soluções oferecidas pela rede, que promete mais independência e facilidade para o trafego de dados.


Maior flexibilidade:


Com essa tecnologia, as empresas conseguem comandar vários links simultaneamente, criando uma infraestrutura diferenciada sem danos as suas atividades operacionais.

Além disso, é possível integrar diversos ambientes para que a empresa escolha aquele que melhor se encaixa ao seu perfil.


Redução de custos:


Os custos são reduzidos, já que esse tipo de rede torna possível que a empresa compartilhe a carga de tráfego em diferentes conexões, como a MPLS por exemplo. Ao aproveitar a conexão com a internet mais acessível, sem que a agilidade seja comprometida, é possível economizar.


Criação de redes full-mesh:


Com o SD-WAN, existe a possibilidade de criar redes full-mesh, ou também conhecidas como malha total. Essa solução resultará em uma maior integração nos pontos de conexão, assim, permitindo que o gestor otimize o acesso dos recursos aos usuários.


Fornecimento de QoS para internet:


A antiga rede WAN impossibilitava as empresas de aplicar os processos de QoS (Qualidade de Serviço) para seus aplicativos, o que causava congestionamento de dados. Em contraste, a rede SD-WAN prioriza o tráfico em linhas de rede e fornece melhor controle do fluxo de dados.


Diante das vantagens que a rede apresenta, os agentes de TI das empresas escolhem migrar para a SD-WAN. Segundo pesquisa realizada pelo o Gartner, a estimativa em 2020 era de mais de 50% das iniciativas de atualização na infraestrutura na borda WAN baseadas na tecnologia SD-WAN, e, esse número aumenta cada vez mais.



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
whatsapp-logo-icone.png