• Infoprotect

O que é gestão de ativos de TI?

A gestão de ativos de TI é um composto de técnicas que são usadas por empresas, mais precisamente pelo seu setor. Assim, para poder controlar todos os bens que ela possui, sejam eles materiais ou não.


Esse controle faz um acompanhamento desde o momento da aquisição do produto, até o momento do fim dele ou de seu descarte. Todas as informações ficam registradas nos dados da empresa. Dessa forma garantem uma gestão de todo o processo desses bens, desde entrada, saída e de suas devidas reposições.


Além disso, a gestão de ativos de TI é uma técnica muito necessária dentro das empresas. Isso porque vai muito além de só manter o ambiente corporativo organizado, ela é muito mais vasta que isso, como por exemplo, ajudando as empresas a evitar o desperdício de seus dispositivos.


A importância da gestão de ativos de TI dentro das empresas


Ter uma gestão de ativos de TI realmente é muito importante para as empresas, muitas pensam em apenas investir em tecnologia, mas esquecem de toda a administração por trás disso tudo. Isso pode levar a um grande prejuízo financeiro, alterando toda a estrutura do negócio.


É impossível trabalhar de forma manual, para manter atualizado os inventários de equipamentos tão dinâmicos, como é o caso dos computadores que constantemente fazem alterações.


Mais que criar uma listagem de programas e de bens, essa gestão visa trazer mais retorno à empresa sobre seus investimentos.


Principais benefícios da gestão de ativos de TI


● Diminuir riscos nos negócios das empresas;


● Melhorar o uso dos recursos que há dentro da empresa;


● Controle e visibilidade sobre todos os bens adquiridos;


● Evitar compras desnecessárias ajudando a cortar custos;


● Usar licenças de forma otimizada.


A primeira etapa que uma empresa que fornece essa gestão tem que fazer é criar uma listagem, ou seja, um inventário de todos os ativos que a empresa possui, fazendo a identificação e registrando todos eles.


Além disso, a empresa precisa ter as informações de todos os softwares, hardwares, sistemas e também de seu RH, tudo pode ser analisado. O objetivo é manter toda a estrutura do TI atualizada, de forma que sempre se alinhe com o sistema da empresa.


Assim, a equipe de colaboradores também é fundamental para que seja feito um ótimo trabalho. Sendo importante fornecer treinamentos e cursos para especializar a equipe dessa área.


O processo da gestão de ativos de TI


Para dar início a todo esse processo, é preciso estar convicto e ter a certeza de que todos os dados e números são confiáveis, pois, os erros podem comprometer todo o resultado, fazendo com que tudo tenha que ser feito novamente.


Todo o ciclo de durabilidade e utilização dos ativos, deve ser registrado, para assim se ter uma utilização mais eficiente deles.


Quando mudado o estágio dos ativos, tudo deve ser informado e atualizado, como: data, hora, motivos do usuário que realizou certa modificação e assim por diante.


Geralmente, cada ativo é pertencente ao departamento que utiliza, nesse caso, é indicado que o setor do TI cuide desta parte, trabalhando em toda a coordenação.


Porém, toda a equipe tem a obrigação de cuidar de seus equipamentos e ferramentas, respeitando regras da empresa como não instalar programas sem autorização e observando regras de login e senha.


Cada vez mais o departamento de TI está assumindo o controle de cuidar e manter a gestão patrimonial da empresa, e também dando suporte aos setores contábil e fiscal, com sistemas que facilitam as tarefas difíceis do dia a dia.


No entanto, é importante destacar que o setor de TI não pode fazer um resumo dos ativos a equipamentos de informática, e também de softwares que são instalados sob responsabilidade de outras pessoas.


O controle de ativos de TI segundo a norma ABNT NBR ISSO/IEC 27002


Proprietário dos ativos: São todos os ativos que são relacionados com os recursos que processam informações. Deve ter definido um proprietário, para que ele possa dar uma classificação, e também um auxílio no controle do acesso.


O proprietário, é usado para identificar um organismo ou uma pessoa que tenha responsabilidade sobre os bens, porém não o direito de posse.


Inventário dos ativos: Todos os ativos, sem exceção, devem ser identificados. Especificando para que ele serve e qual a sua importância e seu valor. Isso deve ser tudo claramente descrito.


Uso dos ativos: Após todos os bens da empresa serem mapeados, a incorporação precisará definir controles e regras junto com seus colaboradores, para preservar tudo.


O responsável pelo TI, passa para sua equipe fazer o levantamento de todas as informações, com suas descrições, localização, estado do ativo e número do patrimônio.


Além disso, será preciso também informações como: modelo, marca, número de série e outras informações de softwares e hardwares.


Feito isso, todos esses dados que foram adquiridos, deverão ser colocados em uma planilha, e assim gerar um relatório que será repassado para a diretoria da empresa.


Tipos de gerenciamento de ativos de TI


Software: É um gerenciamento que inclui programas, softwares e aplicativos.


Hardware: É o gerenciamento dos ativos físicos da empresa, ele inclui laptops, desktops, teclados, mouses, impressoras, servidores, além de outros.


Licença: É o gerenciamento de software comercial, e é feito com base no papel da sua produtividade e de seu uso.


Ativos tecnológicos: É o gerenciamento dos arquivos corporativos, como: pastas, vídeos, fotos, e demais arquivos de mídia da empresa.


Gerenciar tudo isso é uma rotina que deve ser seguida à risca. Manter o hardware conservado e solucionar, caso venha dar algum problema é algo que tem que ser resolvido na hora, para manter a eficiência de todo o processo.


Essa gestão realmente é necessária, ela alinha qualquer empresa ao que o mercado exige, além de trazer muito benefício a organização interna, no melhoramento da utilização dos ativos e mantendo os colaboradores informados sobre a situação dos equipamentos.


Além disso, as empresas precisam cuidar de outras ferramentas e práticas, como o gerenciamento de projetos e de seu marketing. Tudo junto e alinhado é garantia de sucesso e praticidade para qualquer ambiente corporativo.

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
whatsapp-logo-icone.png